Categorias: Desabafos, Dicas

Rotina do casal depois do bebê

Imagem Shutterstock
Imagem Shutterstock

Umas das minhas maiores preocupações quando estava grávida era em como separar o lado Mãe e o lado Mulher e adaptar a rotina do casal depois do bebê. Sim, isso sempre me preocupou. Pensava em como não deixar meu maior sonho interferir e estragar no meu grande amor. Nas comunidades e grupos que participo, era muito comum ler que os Maridos não entendiam isso ou aquilo, que a Mulher não tinha mais tempo e disposição pra ser mulher e sim apenas Mãe.

Conforme ia lendo os relatos e conversando com pessoas próximas de mim, ia já alertando o Marido do que poderia acontecer com a gente e ele sempre calmo respondia:

– Eu vou entender!

Até aí tudo bem, pensei Owwnn, que fofo e compreensivo meu Marido!

Maria Clara nasceu e os 20 primeiros dias foi bem, mas bem punk. Ela simplesmente acordava a cada 1 hora exatamente pra mamar e eu não me adaptei em deixá-la dormindo no carrinho em nosso quarto.

Desde que chegamos da maternidade, ela dormiu no carrinho apenas 3 dias. Achava muito pior eu ter que amamentá-la e trocá-la na cama, por isso ela logo foi pro berço, em seu quarto.

Quando ela ficava muito tempo mamando e pouco tempo dormindo, eu dormia na cama auxiliar que tem no quarto dela e claro, começou a reclamação do Marido.

Pra ele dormir sozinho era péssimo, ele preferia que eu colocasse a Clarinha em nossa cama do que dormir sozinho e foi aí que começou meu drama Mãe X Mulher pós parto.

Marido é um fofo, mas AMA ficar vendo televisão até altas horas, além de morrer de medo, pena e dó da nossa cachorra estar com ciúmes, por causa disso, ele chegava em casa, me dava um beijo, dava um beijo na Maria Clara e descia pra fumar, tomar café, brincar com a cachorra e ficar vendo televisão. Tomava banho, jantava e continuava lá no andar de baixo assistindo televisão com a cachorra e eu no andar de cima com a Baby.

Até que um dia eu surtei e praticamente chorando virei e disse:

– Quando vamos ter nossa vida de casal novamente? Quando vamos ficar juntos novamente? Além da cachorra e da televisão, existe eu e sua filha aqui em casa e nós sentimos sua falta!

 Ele arregalou os olhos e disse:

– Mas tem horas que eu não subo porque não quero te atrapalhar, você precisa descansar.

Na mesma hora eu virei e disse:

– Eu pareço os maridos reclamando de você, eu preciso sim descansar, mas também preciso ficar com você. Mesmo que eu durma, se você estiver comigo no quarto vendo televisão já é um começo. E outra, não adianta nada você ficar bravo de eu dormir no quarto da nossa filha se você sobe pra dormir super tarde e eu já estou capotada.

Pois é pessoas, eu tive, ou melhor, morri de ciúmes da cachorra e da televisão, posso com isso? rsrsrsrs

Hoje já conseguimos resolver tudo isso, estamos ficando juntos, Marido já entendeu que tem que fazer suas coisas sozinho enquanto eu estou amamentando a Baby, para fazermos juntos tudo o que precisamos enquanto ela dorme.

O bom de tudo isso foi o diálogo logo no começo, assim nós dois ficamos felizes e além de pais somos um casal de eterno namorado.

E com vocês?
Como foi a adaptação pós Baby em casa???
Beijos

Comentários